Pesquisar neste blogue

segunda-feira, 11 de abril de 2011

Premiar a incompetência é o mesmo que aplicar um simplex á incoerência!

Depois de um fim de semana de intoxicação politica televisiva, recebi esta pérola que sintetiza a razão da pesada vergonha que eu sinto em relação á classe politica 'dirigente' nacional.  

Pedir desculpa não é sinal de fraqueza mas sim de coragem que falta a muitos. Quem de forma pública e voluntária alardeia os argumentos compilados no vídeo anexo, no mínimo devia retratar-se.
Isso claro se tivesse vergonha na cara, o que não é obviamente o caso.

Na nossa vida privada, se conhecesse-mos um 'pinta destes' diríamos claramente tratar-se de um 'tratante':

1. Que ou quem trata ardilosamente de qualquer coisa ou que procede com fraude e velhacaria. = malandro, velhaco s. m.
2. Ant. Negociante.
3. Deprec. Negociante pouco escrupuloso. = trapaceiro

Razão têm os Brasileiros quando dizem que:

                       «malandro não desiste, muda de esquina...»

video


'Já que não falam', pelo menos escutem como de forma gratuita se vomita esta verborreia arrogante e irresponsável, expoente máximo da incoerência nacional.

Este cata-vento denota uma bipolaridade que a psicanálise explica e que a Psiquiatria já é felizmente capaz de tratar.
De manhã quer, á tarde já não lhe apetece e á noite tem ódio sequer de ouvir falar nisso..

«O pior que nos pode acontecer é mudarmos de plano á 1ª...» 
  José Sócras

Pergunta: O que fará as massas cegarem, a ponto de negarem o que os seus olhos e ouvidos constatam? Será o Carisma? A Idolatria ao líder? Força Zé, que estamos contigo na pobreza e na miséria?

Eu pessoalmente não confiava nele, nem sequer para arrumador. Não porque o considere desonesto, nem por ter medo que me riscasse o carro, mas porque felizmente tenho sensores de estacionamento. 

Premiar a incompetência é o mesmo que aplicar um simplex á incoerência!

Sem comentários:

Enviar um comentário